terça-feira, novembro 04, 2008

Visita


Visitou-me e ficou sua presença…
Seu cheiro, melhor que qualquer odor,
Ficou em minha roupa na ausência.
Deixando-me a alma qual canteiro em flor.

Ela me enfeitiçou como sempre fez.
Embora não me tenha deixado chance
De tentar fazê-la feliz outra vez:
Tirou de mim esse alcance…

Por um instante de tudo esqueci.
Dor, ferida, cortes e da tristeza!
Seus olhos belos outra vez eu vi
E olhei de seu sorriso a beleza.

Mas ela se foi, tal quais as férias de janeiro,
Sabendo, porém, eu, que deixara um não…

Mas na minha roupa ficou seu cheiro.
E sua lembrança em meio à solidão…


Emmanuel Henrique

5 comentários:

Lilian disse...

Oi Emmanuel!
Seu blog tá lindo!
amei o poema ^^
Peço desculpas pela demora em te responder ando sem tempo pra atualizar e a essa hora vc ja sabe do Lucas rsrsrs
Beijãooooooooooooo

pi disse...

sem problema Lilian!

E volte sempre!
=]

Ana disse...

Emmanuel que lindo poema...

Me idenfiquei com ele, belissimo mesmo...
Um poeta nato...
Já tens uma fã \o/

Beijos

ρι disse...

Eita Ana! rsrsrs

assim vc me deixa sem jeito...

rs

Lucas Nietzel disse...
Este comentário foi removido pelo autor.